Arquivo para fevereiro, 2017

1480519916_862963_1480520854_noticia_normal

Confesso que a algum tempo não acho uma série que me prenda e vicie como algumas fizeram, Homeland, Scandal, etc. Alguns dos lançamentos novos, ou que eu descobri recentemente, me chamaram a atenção e eu realmente recomendo.

Outra novidade, o Netflix agora disponibiliza para você assistir Offline seu conteúdo. Basta fazer download do aplicativo, baixar os episódios/filmes que eles ficam salvos e podem ser assistidos mesmo sem internet, acho sensacional.

 

1.American Crime Story: The People vs O. J. Simpson

960

O julgamento de O.J. Simpson. Ex-jogador de Futebol Americano, Orenthal James foi acusado em 1994 de assassinar a esposa, Nicole Brown, e o amigo Ronald Goldman. Contado através da perspectiva dos advogados que conduziram o caso, a série explorara os acordos feitos de maneira informal e as manobras políticas conduzidas por ambos os lados envolvidos.

Em dez episódios, a série retrata o julgamento de OJ, que foi um evento televisionado e alvo de inúmeras repercussões; o drama traz no elenco Cuba Gooding Jr. como OJ, John Travolta, David Schwimmer e Courtney B. Vance como o Dream Team de advogados do ex-jogador. No time de acusação estão Sarah Paulson como Marcia Clark e Sterling K. Brown vivendo o assistente Christopher Darden.

 

2.Sherlock

Sherlock-Temporada-4

A série possui suas três temporadas completas na Netflix. O drama policial é baseado nas histórias de Sherlock Holmes. A readaptação dos misteriosos contos de Arthur Conan Doyle, acontece nos dias modernos, onde o famoso detetive anda pelas ruas de Londres em busca de pistas para solucionar diversos crimes.

Holmes é conhecido por sua excentricidade e uma personalidade difícil de se conviver. Contudo, ele também é mestre em descobrir aspectos da vida das pessoas apenas por observar e fazer deduções. A série teve indicação para 17 Emmys e Globo de Ouro, tendo ganho em várias categorias. Desde 2001, a sua terceira temporada se tornou a série de drama mais vista no Reino Unido.

 

3.Black Mirror

220659

Para quem gosta de ficção científica, esta série que possui suas três temporadas e mais um episódio extra na Netflix, é uma boa pedida. O seriado reflete o outro lado das telas e da tecnologia, o sombrio, nos fazendo repensar o modo como consumimos tecnologia e como nos comportamos quando estamos atrás de uma tela, seja da TV, do computador ou do celular.

O diferencial deste seriado é que a cada episódio há um elenco diferente, um set diferente, novas histórias, além de realidades distintas. Mas todos retratam nossa inquietação contemporânea em relação ao mundo moderno e o vício pela tecnologia.

Cada episódio é um pequeno conto que problematiza a nossa dependência por tecnologia e as consequências que isso pode trazer, porém, de uma forma um tanto quanto apocalyptica. O criador do programa, Charlie Brooker, explicou ao The Guardian que o “espelho negro” do título é o que você vai encontrar em todas as paredes, em todas as mesas, na palma de toda a mão: a fria e brilhante tela de uma TV, um monitor, um smartphone.

 

4. Stranger Things

stranger-things-1-1200x605

Stranger Things estreou na Netflix em julho de 2016 e rapidamente se tornou uma das séries mais queridas entre os assinantes do serviço. No total, são oito episódios com, em média, 50 minutos de duração. E a segunda temporada já está confirmada para ser lançada na plataforma até fim deste ano.

O seriado se passa nos anos 80 e faz um mix com elementos de ficção científica, aventura e terror. Um dos fatores apontados como o segredo para o seu grande sucesso é a grande quantidade de referências aos clássicos do cinema e literatura dos anos 80, o que levou os fãs deste tipo de produção ao delírio. Em resumo, a história é sobre um menino que desaparece misteriosamente e a cidade inteira se envolve em suas buscas. Porém, o que eles encontram está repleto de segredos, seres fantasiosos e mistério.

 

5. The Crown

thecrownnetflix

Esta série original Netflix foi lançada no final de 2016 e acompanha a vida política, as rivalidades e relacionamentos da rainha Elizabeth II. Filha do rei George VI, Elizabeth assumiu a coroa inglesa aos 25 anos, após a morte de seu pai. Porém, junto com grandes compromissos, vêm grandes responsabilidades, e Elizabeth precisará aprender a como lidar com todas as mudanças que ocorrerão em sua vida.

Nesta primeira temporada disponível na Netflix, os telespectadores podem acompanhar os primeiros anos do reinado da atual monarca britânica. A primeira temporada de The Crown possui 10 episódios, com cerca de uma hora de duração cada. Uma segunda temporada já foi confirmada pela Netflix. Uma curiosidade sobre o seriado é que ele ficou conhecido como o mais caro da Netflix, custando aos cofres do serviço de streaming um investimento de US$ 100 milhões.

 

6. Freaks and Geeks

freaks_and_geeks_rect-1-1

A série tem apenas uma temporada, que está completa na Netflix, com 18 episódios. A trama gira em torno da adolescente Lindsay Weir e seu irmão Sam. Ao perder a vó, Lindsay fica extremamente abalada, o que gera uma mudança em seu comportamento, com a perda de alguns hábitos e o ganho de outros. Ela faz novos amigos, só que estes são politicamente incorretos e problemáticos.

Esta nova fase na vida de Lindsay balança sua relação com seus pais, trazendo diversos conflitos no seio familiar. De forma paralela a isso, a série ainda mostra o percurso de Sam e seus amigos Geeks, enquanto eles tentam se encaixar em um novo universo social.

O seriado é bem antigo, mas quem sabe isso faça dele mais especial, é possível ver atores famosos da atualidade no começo da carreira  como James Franco, Seth Rogen, Jason Segel, Linda Cardellini e Ben Foster.

 

Sabem mais alguma para me indicar?

Beijos

Thábata

Informações das séries: Oficina da Net

obama_sad1

Quando você era mais novo e a sua mãe te ensinava um monte de lorotas só pra você obedecer ela, você acreditava. Com a facilidade de comunicação hoje, com a quantidade de textos e coisas sem fundamento na internet, passamos a acreditar em algumas coisas que nem sempre são verdadeiras. Algumas vezes por que alguém contou e tivemos preguiça de pesquisar se era verdade, outras vezes por que você acostumou a ver algo de uma maneira, que automaticamente ela passa a ser verdadeira.

Selecionei alguns “mitos” que eu achava serem verdadeiros, mas que na verdade não são.

1  Vikings usavam capacetes com chifres.

Na verdade não se tem certeza sobre isso. a partir do século 19 estes guerreiros começaram a ser retratados em pinturas e histórias que os descreve com chifres, mas a verdade é que a civilização nórdica existiu muuito antes disso, e não há registros destes acessórios.

275805135023

2. O álcool mata seus neurônios.

Na verdade ele não faz isso não. Alguns alcóolatras que fazem consumo intenso por um longo período tem alguns neurônios danificados que podem chegar a danificar a forma que seu corpo funciona.

14-drinking-games-to-spruce-up-your-night-out

3. Van Gogh cortou sua orelha por vingança e amor.

Essa eu jurava que era verdade, mas o pintor cortou somente um pedaço da orelha durante um surto psicótico. A parte em que ele enviou a uma prostituta é verdade, mas ele não a conhecia.

unnamed

4. Raspar os pelos com gilete faz eles engrossarem.

A verdade é que temos a impressão que sim, por que quando raspamos cortamos o pelo rente a pele, onde ele é mais grosso, mas ele não muda de espessura.

image

5. Acordar um sonâmbulo pode matá-lo.

Na verdade isso pode ser bem perigoso, mas não chega a levar a morte. Quando uma pessoa está sonâmbula ela está fora de si e pode ter um comportamento imprevisível ou violento.

3-waking-a-sleepwalker-might-disorient-them

6. As pirâmides do Egito foram construídas por escravos.

Ao contrário do que sua professora te ensinou, recentemente foi descoberto que os responsáveis pelas construções eram homens livres e bem respeitados, como os engenheiros da época. Muitos deles foram enterrados próximos as pirâmides, o que é impossível para um escravo.

Pyramids of Giza at sunset, Cairo, Egypt

7. Um raio não cai duas vezes no mesmo lugar.

Cai sim, um dos lugares que mais recebe raios do mundo é o Empire State Building.

8. Chicletes demora 7 anos para ser digerido.

Na verdade ele não é digerido nunca, ele passa normal pelo corpo.

maxresdefault

9. Unhas e cabelos continuam crescendo após a morte.

Na verdade o corpo perde muito líquido e encolhe, dando a impressão de que as unhas e cabelo cresceram.

cabeludo

10. Microondas pode dar câncer.

Não pode não, somente alguns tipos raroos de radiação e na dosagem correta podem causar a doença.

11. Os avestruzes escondem a cabeça no chão quando estão com medo.

Na verdade eles se jogam no chão e se fingem de mortos quando tem medo. Bem mais legal.

Ostrich_Ngorongoro_05

12. Cães e gatos não enxergam cores.

Algumas cores sim, tons de cinza, tons de azul e de verde também.

13. As pessoas só usam 10% do cérebro.

Na verdade elas usam o cérebro inteiro, só que diferentes áreas para diferentes momentos.

14. Os ruivos vão ser extintos.

O gene do cabelo ruivo pode passar por diversas gerações sem se manifestar, nenhum gene pode ser extinto.

635916825347991459-123675678_The-Weasley-Family-harry-potter-9137817-1024-576

Interessante não?

Deve ter muita coisa por ai que a gente acredita sem sentido.

Beijos

Thábata

Categoria:New
Comentário:0

europe-map-vector-illustration-cartoon-style-64879377

Como ultimamente  ando falando muito de cinema, e amo tanto viajar como ver filmes, resolvi fazer um post de dicas de viagem diferente. Recentemente fiz uma viagem a Europa com alguns amigos que moram por lá e fomos para alguns países e cidades que confesso que nunca tinha pensado em conhecer, e me surpreendi muito. Esta minha amiga que está a quase um ano morando em Bruxelas, na Bélgica, aproveitou esse ano para conhecer ao máximo alguns lugares. Com esta experiência juntas que tivemos, e a grande experiência dela por lá, trocamos algumas ideias e montamos estes dois posts juntas, espero que vocês gostam das dicas! Tivemos que dividir o post em dois por que tem muita coisa bacana pra falar de lá.

 

Gouda – Holanda (por Mari)

gouda-cheese-market-netherlands-articleGouda é a típica cidade de interior europeia, ela compartilha do mesmo nome de um de seus produtos mais famosos, o queijo Gouda (que na cidade pronuncia “rrráuda”). Por um preço baratinho você consegue facilmente comer o queijo em vários locais. Vale a visita ao centrinho da cidade que é incrível.

Outra atração bem típica da cidade são os moinhos holandeses, na cidade existem três: o De Roode Leeuw, que é o moinho de milho mais antigo da Holanda; o Molen ´t Slot que fica ao centro da cidade e o De Mallemolen que fica mais afastado.

IMAG000

Próximo a Gouda é possível visitar o parque Keukenhof, muito famoso por ter muuuitas tulipas em algumas épocas do ano (24 de março a 16 de maio). Vale a visita pois é um lugar sem igual.

Keukenhof-Garden-Amsterdam

Budapeste – Hungria

11

Provavelmente Budapeste é uma das cidades mais lindas e impressionantes que eu conheci na minha vida. Com paisagens incríveis é uma cidade organizada e com muito para se fazer. Para os amantes de política, história, artes e arquitetura existem os mais variados programas. A cidade é jovem e animada, com várias baladas, bons restaurantes e incríveis construções.

Budapest-at-night-1200x335

Como a visitamos durante o início do inverno ela estava especialmente bonita, toda decorada para o natal. A noite as luzes dão um toque especial na paisagem, vale muito a pena fazer um passeio pelo rio Danúbio a noite para ver toda a cidade.

f60ffff302046f46a437f676f64b2f4b

A cidade é a fusão de duas outras cidades, Buda, que fica na margem direita do rio, e Peste, que fica na margem esquerda. Vários pontos turísticos devem ser visitados como o Castelo de Buda (na foto), a Praça dos Heróis, a Széchenyi Lánchíd (Ponte das Correntes), o Parlamento de Budapeste e o Teatro Nacional de Budapeste. Para os que gostam é possível entrar nos clubes onde existem os complexos de banho.

24-hours-in-budapest-_-buda-castle

Um dos pontos que mais gostei de visitar na cidade foi o Cipők a Duna parton, Sapatos à Beira do Danúbio. O monumento foi feito em homenagem aos milhares de judeus assassinados durante a segunda guerra no local. Conta a estória que como eram muitos judeus em Budapeste, os nazistas faziam filas deles nas margens do rio, pediam que eles tirassem os sapatos (por questão de economia) e atiravam, fazendo com que seus corpos caíssem dentro no rio. Vale muito a visita.

sapatos

Viena – Áustria

vienna_skyline

Viena talvez seja tão bonita quanto Budapeste, mas tenho minhas dúvidas. Recomendo ir pra Hungria antes e depois pra Áustria, em cada cidade que você passar vai achar que esta na cidade mais linda do mundo, e vai sempre se surpreender.

Vienna Hofburg Imperial Palace at night, - Austria

Viena é uma cidade apaixonante e cheia de cantinhos incríveis, você anda pelas ruas e a cada quadra fica mais surpreendido com sua arquitetura e monumentos. Acredito que seja uma das cidades mais sofisticadas que já fui, as pessoas são elegantes (um pouco descabeladas) e um pouco arrogantes, mas a cidade tem uma energia gostosa e de glamour.

00000030016-christkindlmarkt-auf-dem-wiener-rathausplatz-oesterreich-werbung-Viennaslide.jpg.3197219

Quanto a passeios a cidade oferece vários, para todos os gostos. O lindo Palácio de Shonbrun, que é o o palácio de verão da coroa Austríaca. Se atente as filas e compre ingressos antes. Vale muito a pena passear por seu redor, acredito que seja mais encantador do que dentro do mesmo. A famosa Ópera de Viena (na foto) é um dos prédios mais lindos da cidade, imponente é possível assistir apresentações lá durante o ano todo. A melhor maneira de conhecer a cidade é a pé, acredite. Você vai andar bastante, mas vai ver muita coisa impressionante.

Opera

O City Hall é uma construção imponente e grandiosa, próximo dele ficam parques e outros monumentos igualmente interessantes. A Catedral de Santo Estevão (na foto) tem uma arquitetura interessante com seu teto geométrico e alongado, mas é muito bela por dentro.

St. Stephan´s Cathedral

 

 

O que acharam? Em alguns dias vem a segunda parte!

Obrigada Mariana Heller De Carli pelas dicas <3

Beijos

Thábata